fbpx

PROJETO AGRO BANANA DO BRASIL PRODUZ OS PRIMEIROS FRUTOS

Após anos de estagnação, agricultores familiares apostaram na banana e vivem tempos de novos horizontes

Criado em 2011 com o objetivo de promover o setor que mantém em marcha a economia do País, o FOCO RURAL AGRONEGÓCIOS iniciou em 2015 um projeto de ampliação e diversificação dos produtos e serviços atuando na IMPLANTAÇÃO E FORTALECIMENTO DA FRUTICULTURA TENDO A CULTURA DE BANANA SIDO PLANEJADA PARA ESTA REGIÃO DO PARANÁ, onde foram estudados e analisados solo, clima, adaptabilidade, capacidade produtiva e mercado consumidor.

Buscando sempre o melhor para o produtor, com insumos especiais e de tecnologia própria para a cultura, o sucesso da implantação se destaca pelo desenvolvimento dos bananais, juntamente com os produtores dedicados e integrados com a empresa, obtendo assim a qualidade e o excelente desenvolvimento das lavouras que são assistidas pelo FOCO RURAL.

Hoje, consolidado e implantado pelo FOCO RURAL o Polo Regional de Banana, com o objetivo de diversificar as pequenas áreas, como possibilidade de aumento de renda das famílias rurais, desde a assistência pré-plantio, o fornecimento de mudas certificadas e isentas de vírus e doenças, programa nutricional exclusivo e preventivo (inclusive com produção avançada sem a utilização de agrotóxicos), assistência técnica e principalmente a comercialização da fruta, fechando todo o ciclo da cadeia produtiva: da produção à comercialização.

É uma cultura única, principalmente para a agricultura familiar. Os cuidados são simples e é uma fruta muito consumida, o que oferece estabilidade ao pequeno produtor.

“A nossa região possui características geoclimáticas que favorecem a cultura da banana. Junto com a produção, pensamos muito na comercialização da fruta. Esta foi a nossa prioridade desde o início do projeto, além da qualidade das mudas para maiores e melhores frutos a serem ofertados ao mercado”, explica Carlos Marek, Diretor do Departamento Comercial do Foco Rural.

A banana (dos bananais instalados e dos futuros bananais) já está negociada com redes de supermercados, cooperativas e centrais de abastecimento, buscando sempre a colocação da fruta no mercado consumidor, por meio da nossa divisão de corretora da empresa.

COMPROMISSO
Comercializar alimentos exige uma parceria e fidelidade de todos, uma vez que o consumidor preza por alimentos de qualidade e com procedência atestada e garantida, podendo assim alcançar um nicho maior de mercado.

Fonte: Assessoria de Imprensa