fbpx

Cooperativa recebe licença para instalar esmagadora de soja

A Cooperativa Agroindustrial C.Vale, com sede em Palotina (PR), recebeu a licença de instalação de uma indústria esmagadora de soja. O documento foi entregue ao presidente da cooperativa, Alfredo Lang, por representantes do governo do Estado do Paraná, nesta sexta-feira (28).

A indústria fornecerá óleo e farelo de soja para a produção de rações. O empreendimento vai gerar 1.500 postos de trabalho na construção e 580 empregos diretos e indiretos permanentes. Ela será erguida ao lado da planta de abate de aves e receberá R$ 552 milhões em investimentos.

“É o primeiro passo para a realização de um sonho antigo dos nossos associados. Isso nos dá condições de seguir ampliando a produção de peixes, frangos e suínos. A própria C.Vale será a maior cliente da esmagadora de soja”, disse Lang.

A nova planta industrial terá capacidade para processar 2.500 toneladas de soja por dia, com possibilidade de ampliação para até 3 mil toneladas/dia. Quando alcançar a capacidade plena de operação, o consumo de soja será de 50 mil sacas/dia. A cooperativa mantém sistemas de integração que produzem, atualmente, 620 mil frangos/dia e 100 mil tilápias/dia, e ainda fabrica rações para bovinos e suínos. A previsão de conclusão das obras é 2023.

Segundo o secretário de Desenvolvimento Sustentável e Turismo do Paraná, Márcio Nunes, “além de cumprir todos os requisitos de sustentabilidade, entrega um produto saudável e ajuda a cuidar do meio ambiente”.

Fonte: AGROLINK -Eliza Maliszewski