fbpx

Apesar do atraso no plantio, expectativa é de boa safra

Embora o plantio da soja esteja atrasado na maior parte do Brasil, o clima colaborou para que os trabalhos no campo. Ainda é cedo para medir os efeitos desse cenário, mas as estimativas para a safra 2019/20 apontam para o aumento da produção.

O Deral – Departamento de Economia Rural, da Secretaria de Agricultura do Paraná (Seab), atualizou os números do Estado. Dos 5,488 milhões de hectares reservados para a soja, foram plantados 65%. Na semana passada, eram 45%. No entanto, as condições de lavoura pioraram. As consideradas ruins passaram de 2% para 4% do total de uma semana para outra. As médias, de 26% para 24% e as consideradas boas, de 72% para 71% do total.



As projeções para a safra nova de soja são de crescimento. Os números têm variado entre 120 e 125 milhões de toneladas, a depender de quem faz a estimativa. O que, se for confirmado, levará o Brasil a ser o maior produtor mundial de soja, já que, de acordo com o próprio governo dos Estados Unidos, a produção americana deve ser de pouco mais de 96 milhões de toneladas.

Com informações de Globo Rural

Fonte: Assessoria de Imprensa