Terça-Feira, 16 de Outubro de 2018
Tecnologia
Demonstração de Drone de pulverização agrícola
01/02/2018


O equipamento consegue atuar nas áreas afetadas pelas pragas. Aliados da agricultura de precisão, os drones estão cada vez mais presentes nas lavouras, e não apenas para registro de vídeos e fotografias aéreas. Recém-lançados como pulverizadores, esses equipamentos são capazes de operar em áreas de difícil acesso e onde nem mesmo a aviação agrícola consegue atuar. Os gastos com insumos são reduzidos em até 80% com o uso de drones na pulverização, otimiza os recursos e aplica o defensivo no momento certo, e no local correto, por sua vez, é também ambientalmente correto. Não é só redução de custos, esses equipamentos conseguem atender pequenas propriedades, como plantações de uvas, bananas, goiaba e hortaliças, onde a pulverização com aviões não é economicamente viável, e ainda áreas de risco, próximas à rede elétrica e árvores.

Inédito no mercado brasileiro, voltado para o combate às pragas na agricultura, a ideia é usar a tecnologia para fazer uma pulverização cirúrgica, de grande precisão. O equipamento pode transportar até 10 litros de produtos químicos e tem capacidade para voar até 50 metros de altura, em 15 minutos tem condições de pulverizar meio hectare de plantação.

O ideal, porém, é que faça sobrevoos de dois a três metros acima da plantação, para que o produto seja dispensado exatamente nos locais previamente mapeados.

Essa tecnologia usando um drone com oito motores e com as partes destacáveis, os rotores são menores que o do helicóptero, o que o torna mais seguro, e é mais prático, podendo ser transportado facilmente em um carro. O funcionamento do drone pulverizador Agras MG 1 é simples, basta abastecer o reservatório, colocar as baterias e o drone está pronto para realizar os voos que utilizam bicos embaixo dos motores para uma cobertura uniforme em toda plantação. Quando se fala em drones de pulverização, o tempo de voo por bateria é pouco relevante, o mais importante é conseguir uma operação contínua, apenas abastecendo o reservatório e trocando as baterias.

Os drones foram projetados para esgotar o tanque cerca de 2 minutos antes de acabar a bateria, para uma operação mais eficiente, ou seja, quando acabar o material do reservatório é a hora de voltar para abastecer e trocar a bateria. Para garantir o funcionamento contínuo, os drones vem com grandes conjuntos de baterias e um carregador especial de alto desempenho, capaz de carregar 4 baterias ao mesmo tempo em apenas meia hora.

AS principais vantagens da pulverização com Drones:
– Operação precisa, voo entre 30 e 50 metros de altura;
– Alta economia de água e produtos químicos em relação a métodos manuais;
– Bicos sob as hélices para melhorar a área de ação e penetração com o vento produzido pelas mesmas (as folhas são agitadas e recebem o produto em todos lados);
– Baixo custo e eficiência operacional alta;
– De 20 até 100 vezes mais rápido que o trabalho manual;
– Pode ser utilizado em áreas que as máquinas terrestres não vãs, como árvores e montanhas;
– Ambientalmente melhor que um avião por não utilizar combustível fóssil.
FONTE: Prefeitura de S. Vicente
NOTÍCIAS RELACIONADAS
VER TODAS

Cadastre-se e receba gratuitamente as atualizações do Foco Rural em seu e-mail

Após o preenchimento de seu nome e e-mail, clique no botão CADASTRAR. Você receberá um e-mail para confirmação do cadastro. Caso não receba o e-mail, verifique sua Caixa de Spam. O recebimento de nossa newsletter depende da sua confirmação. Confira nossos Termos de Uso.


Cotações de Commodities fornecidas por Investing.com Brasil.
® 2011-2015. Foco Rural – O homem do campo bem informado. Todos os direitos reservados.
DESENVOLVIDO POR:
X
Enviar notícia por e-mail
*Meu Nome:
*E-mail Rementente:
*E-mail Destinatário: