Sexta-Feira, 27 de Abril de 2018
Hortifruti
Melancia: tratamento de sementes protege a lavoura e reduz custos de produção
23/01/2018
Os equipamentos utilizados no tratamento devem garantir que não ocorra subdose nem superdose do produto químico.

O tratamento de sementes ainda gera muitas dúvidas aos produtores rurais. Para algumas culturas, como a soja, a tecnologia de tratamento industrial avançou e muitos produtores estão habituados a comprar as sementes já tratadas pela sementeira ou obtentoras (empresas que investem em programas de desenvolvimento de cultivares). Ainda assim, alguns agricultores optam por fazer o tratamento de sementes caseiro.

No cultivo de melancia, por exemplo, o recomendável é comprar as sementes já tratadas. Segundo dados da Produção Agrícola Municipal (PAM), divulgada pelo IBGE, em 2016 o Brasil produziu 2.090.432 toneladas de melancia, recuo de 1,4% em relação ao ano anterior. De acordo com Eduardo Cleto, gestor de produtos da Sakata, empresa de sementes, o tratamento protege a área plantada e evita a contaminação por fungos. Além disso, é uma alternativa para reduzir os custos de produção. “O tratamento previne a entrada de doenças nas sementes e nas plântulas, reduzindo os gastos com a pulverização de defensivos agrícolas em área total após a semeadura”, explica Cleto.

A recomendação do especialista é para que o produtor compre as sementes de melancia já tratadas, a fim de evitar a intoxicação da pessoa que vai realizar o procedimento e também para ter a certeza que houve uma cobertura eficaz das sementes com o produto químico. “Os equipamentos utilizados no tratamento devem garantir que não ocorra subdose nem superdose do produto químico, causando ineficiência de ação ou toxicidade na plântula, respectivamente”, diz o gestor.

4 dicas para ter uma semente de melancia com qualidade

1 – Sementes de melancia Ao comprar sementes de melancia, é necessário escolher produtos com certificação fitossanitária de origem, de empresas idôneas e nunca adquirir sementes de terceiros, sem registro, conhecidas no setor como F-2, explica o gestor de produtos da Sakata.

2 – Tratamento de sementes dentro ou fora da propriedade? “O ideal é a semente ser tratada antes de ser embalada para evitar a contaminação por fungos durante o armazenamento”, afirma Cleto. A maioria das empresas que comercializa sementes realiza o tratamento antes de embalar, sendo o padrão a comercialização das sementes já tratadas.

3 – Cuidados durante o tratamento Embora não seja recomendado, caso seja feito na propriedade, o tratamento deve ser realizado seguindo as informações contidas na bula do produto, respeitando as dosagens recomendadas e utilizando o Equipamento de Proteção Individual (EPI).

4- Semente de melancia bem tratada De acordo com Cleto, o tratamento proporciona maior proteção à semente contra fungos, e também durante os estágios suscetíveis da plântula, principalmente em condições desfavoráveis ao desenvolvimento da cultura e durante o armazenamento.
FONTE: SF Agro
NOTÍCIAS RELACIONADAS
VER TODAS

Cadastre-se e receba gratuitamente as atualizações do Foco Rural em seu e-mail

Após o preenchimento de seu nome e e-mail, clique no botão CADASTRAR. Você receberá um e-mail para confirmação do cadastro. Caso não receba o e-mail, verifique sua Caixa de Spam. O recebimento de nossa newsletter depende da sua confirmação. Confira nossos Termos de Uso.


Cotações de Commodities fornecidas por Investing.com Brasil.
® 2011-2015. Foco Rural – O homem do campo bem informado. Todos os direitos reservados.
DESENVOLVIDO POR:
X
Enviar notícia por e-mail
*Meu Nome:
*E-mail Rementente:
*E-mail Destinatário: